“Conje” e “peleumonia”: quando a variação linguística vira polêmica

Em discurso proferido na CCJ, o ministro Sérgio Moro cometeu um inusitado desvio de pronúncia: em vez de dizer "cônjuge" (termo formal para "marido" ou "esposa"), o ex-juiz deixou escapar não uma, mas duas vezes o termo "conje". A internet, como você deve imaginar, não perdoou, e até hoje circulam memes zombando do magistrado.

Em rodas mais atentas às relações entre língua e sociedade, o episódio faz surgir um questionamento: teria o ministro sido vítima de preconceito linguístico?

Confira a matéria completa no blog Dicas de Vestibular: https://dicasdevestibular.blogosfera.uol.com.br/2019/09/03/conje-e-peleumonia-quando-a-variacao-linguistica-vira-polemica/

COMPARTILHE

MATÉRIAS RELACIONADAS