Leitura literária para a segunda fase

Quando se pergunta a um jogador de futebol que time ele prefere enfrentar no jogo seguinte, a resposta é quase sempre a mesma: quem quer vencer não pode escolher adversário. Para alunos que se preparam para a segunda fase de um vestibular concorrido como o da Fuvest, essa resposta é mais que um clichê. No que diz respeito aos livros da lista de leitura obrigatória, convém reforçar: não dá para ficar querendo prever o que vai cair.

Os livros que não apareceram na primeira fase têm mais probabilidade de aparecer em alguma questão da segunda? Dos nove livros propostos, ficaram de fora O cortiço, A relíquia e Mayombe. A possibilidade de surgirem em questões da segunda fase é real, mas não passa de possibilidade. A Fuvest já indicou três substituições que fará para os exames de 2021, o que quer dizer que três obras serão retiradas da lista. São elas: Sagarana, O cortiço e Minha vida de menina. Será que a Fuvest vai perder a última oportunidade de perguntar sobre esses livros?

Confira a matéria completa no blog Dicas de Vestibular:
https://dicasdevestibular.blogosfera.uol.com.br/2019/12/12/leitura-literaria-para-a-segunda-fase/

COMPARTILHE

MATÉRIAS RELACIONADAS