Pilhas, baterias e nossa sociedade

Imagine nossa vida moderna se todos os equipamentos eletrônicos precisassem estar ligados constantemente às tomadas por meio de fios, incluindo computadores pessoais, tablets e celulares. Impossível, não é mesmo?

A invenção da pilha, no final do século XVIII, permitiu que dispositivos elétricos pudessem ser utilizados em ambientes externos, longe das tomadas. No início, foram rádios e pequenos equipamentos portáteis, de baixo consumo de energia; hoje, os modernos celulares ou notebooks de alta demanda energética cujas baterias não aguentem por, pelo menos, um dia não são bem-vistos pelos consumidores.

Baterias nada mais são do que associações de pilhas, que, por sua vez, são dispositivos que transformam a energia química presente em algumas substâncias em energia elétrica. Embora a engenharia de sua construção possa ser complexa, o princípio de funcionamento de uma pilha é muito simples, como veremos.

Confira a matéria completa no blog Dicas de Vestibular: https://dicasdevestibular.blogosfera.uol.com.br/2019/09/23/pilhas-baterias-e-nossa-sociedade/

COMPARTILHE

MATÉRIAS RELACIONADAS