Como ir bem no vestibular Unicamp 2022?

Há 58 anos a Universidade de Campinas (UNICAMP) aplicava o seu primeiro vestibular que contou com 1.592 candidatos para as 50 vagas existentes da Faculdade de Medicina. Aos poucos, criou-se outros cursos e, hoje, é uma das grandes referências em ensino, pesquisa e relações com a sociedade. Entretanto, muitos vestibulandos possuem medo dessa avaliação, uma vez que a consideram difícil devido às suas características particulares. 

Com o vestibular Unicamp 2022 se concretizando, o temor se torna mais presente e gera insegurança, o que atrapalha os candidatos. Embora tenha aspectos bem únicos, é possível se dar bem na Unicamp 2022 e você está no lugar certo para acabar com todas as suas dúvidas sobre esse exame. Acompanhe! 

Como funcionam as provas da Unicamp? 

Assim como a Fuvest e outros vestibulares mais tradicionais, a prova da Unicamp possui primeira e segunda fases. Sabendo disso, é necessário ter em mente que você só conseguirá realizar as avaliações da segunda fase caso seja aprovado na primeira.  

Na primeira fase da Unicamp, teremos 72 questões objetivas de múltipla escolha sobre as áreas do conhecimento estudadas no ensino médio, cada questão vale 1 ponto e a abordagem dos enunciados pode ocorrer de maneira interdisciplinar. Elas são distribuídas da seguinte maneira: 

  • 12 questões de Língua portuguesa e Literatura; 
  • 12 questões de Matemática; 
  • 8 questões Biologia; 
  • 8 questões de Física; 
  • 8 questões de Geografia/Sociologia; 
  • 8 questões de História/Filosofia; 
  • 8 questões de Inglês; 
  • 8 questões de Química. 

Nesse dia, estavam previstas 4 horas para a resolução das questões, porém o tempo foi ampliado para 5 horas, em outubro de 2021. Além disso, o candidato deve permanecer no mínimo 2 horas em sala. Você pode se preparar melhor resolvendo provas anteriores da Unicamp. Aliás, para seguir no processo seletivo, os estudantes precisam obter 550 pontos ou mais na nota final da primeira fase e o limite de pessoas convocadas é estabelecido a partir da relação candidatos/vaga, variando entre 4 e 10 vezes mais aprovados em relação ao número de vagas disponível para determinado curso.  

Na segunda fase Unicamp, teremos dois dias de prova com questões dissertativas e uma produção textual. Geralmente, divide-se assim para tornar viável a resolução de todas as questões de cada área do conhecimento e a escolha da proposta de redação que será desenvolvida. Você deve estar surpreso por poder escolher entre duas propostas e realmente deve ficar atento a esse detalhe! É aqui que começam as diferenças da Unicamp 2022 se compararmos a outros vestibulares, por exemplo, a Fuvest. Os dias são organizados desse modo: 

1º dia 

  • Redação à duas propostas de textos para que seja executada apenas uma; 
  • Língua Portuguesa e Literatura à 8 questões; 
  • Língua Inglesa à 2 questões interdisciplinares. 

2º dia 

No segundo dia, há uma subdivisão:  

  1. Para todos os candidatos: 
    Matemática - 6 questões;
    Ciências Humanas - 2 questões interdisciplinares;
    Ciências da Natureza - 2 questões interdisciplinares. 
  2. Provas de conhecimentos específicos (PCE), conforme a opção de curso:  Área Ciências Biológicas/Saúde à 6 questões de Biologia e 6 de Química;
    Área de Ciências Exatas/Tecnológicas à 6 questões de Química e 6 de Física; 
    Área de Ciências Humanas/Artes à 6 questões de Geografia e 6 de História, atreladas aos conteúdos de Filosofia e de Sociologia. 

Para a resolução das questões desse dia, a avaliação terá a mesma duração do primeiro dia: mínimo de permanência em sala de 2 horas e máximo de 5 horas. Apesar de ter 22 perguntas no total, vale lembrá-lo que a quantidade menor que da primeira fase não torna esse momento mais simples, principalmente, por ser necessário um bom manejo do tempo a fim de dar conta das perguntas e da produção de seu texto. 

Um outro quesito importante é estar ciente se seu curso exige Prova de Habilidades específicas. As carreiras de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais, Dança e Música requerem essa realização. Caso tenha como opção algum desses cursos, consulte o manual do candidato para não ser pego de surpresa pela desclassificação por ter pulado essa etapa. 

Como você deve ter percebido, a redação Unicamp tem algo distinto daquilo que estamos habituados. Então, segue a leitura para não ficar com dúvidas!  

Qual o tipo de redação da Unicamp? 

No vestibular Unicamp 2022, o vestibulando irá receber duas propostas de redação contendo 1 ou 2 textos de apoio que servem para orientar quanto ao tema e possibilitar a escolha do que será desenvolvido. Isto é, você terá a opção de decidir qual das propostas é mais confortável para escrever. Além disso, há instruções sobre os interlocutores e o contexto da situação em que eles estão inseridos.  

Entretanto, há necessidade de muita atenção no seu plano de estudos porque nós não saberemos o gênero textual cobrado até o momento de aplicação da prova ao contrário do Enem, da Fuvest e de outros vestibulares. Isso faz com que o vestibulando em sua preparação tenha que estudar vários gêneros, recomendamos que conheça aqueles que já marcaram presença na Unicamp em provas anteriores e, também, explore possibilidades inéditas a fim de que esteja mais confiante nessa segunda fase da Unicamp

Portanto, por esse diferencial, alcançar uma boa nota em redação pode definir a aprovação por ser capaz de melhorar a sua classificação geral no curso dos sonhos. Se o formato da proposta de redação causa insegurança, queremos lembrar a você que com treino e dedicação é possível superar esse obstáculo.  

Como não só de redação se faz um vestibular, veja em seguida como se preparar para Unicamp 2022

O que estudar para a Unicamp 2022? 

A Unicamp é bem parecida com outros vestibulares em relação ao conteúdo cobrado. Um dos aspectos em que se diferencia é como são analisadas as respostas do candidato na segunda fase em que se faz necessário discorrer sobre o assunto de cada item. Algumas habilidades você precisa aperfeiçoar para atingir seu objetivo: 

  • clareza ao se expressar; 
  • organização das ideias; 
  • relação entre as ideias e o que foi pedido no enunciado; 
  • interpretação de gráficos, dados e fatos; 
  • capacidade de elaborar hipóteses; 
  • domínio dos conteúdos desenvolvidos durante o ensino médio; 
  • capacidade de interpretar e de relacionar informações interdisciplinares. 

Outra diferença são os livros que precisam ser lidos para resolver cada questão apresentada. As obras que devem ser estudadas podem ser consultadas no site da Comvest

Quer saber ainda mais sobre esse vestibular? Então, baixe o nosso e-book SeLiga! Unicamp 2022

Até mais! 

COMPARTILHE

MATÉRIAS RELACIONADAS

Como ingressar na USP?

A Universidade de São Paulo (USP) está em 2º lugar no ranking latino-americano do Times Higher Education (THE) de 2021, um dos principais indicadores de qualidade da educação superior no mundo.

Leia mais

Como usar a nota do Enem?

Com certeza, se você quer usar a sua nota do Enem 2021 para entrar em alguma universidade pública ou privada, precisa conhecer quais as suas opções após o resultado da prova.

Leia mais

Como se preparar para Fuvest?

Dependendo da opção de curso, você pode se deparar com uma grande concorrência. Então, para vencer esse obstáculo, é essencial que você se destaque.

Leia mais

5 dicas para fazer uma boa redação!

Você já parou para pensar o porquê de a redação em qualquer vestibular ser tão valorizada e, em muitos casos, possuir grande potencial para eliminar o candidato da disputa pela vaga dos sonhos?

Leia mais

Saiba como ir bem no ENEM!

O ENEM é uma das avaliações mais importantes do Brasil, por ser uma das principais formas de ingresso às universidades nacionais e uma das alternativas para instituições portuguesas

Leia mais

5 dicas para não reprovar no vestibular

Você sabia que desde 1911 que os exames para ingressar em universidades é obrigatório? A partir dessa mudança que as avaliações foram estruturadas e aperfeiçoadas a cada ano com o intuito de

Leia mais

Por que fazer curso pré-vestibular?

Para quem tem o objetivo de prestar vestibular com o intuito de ser aprovado em uma universidade na sua primeira opção de curso, ter disciplina e organização durante todo o processo de

Leia mais